Porquê os gringos são apaixonados pelo Brasil

O país vem produzindo algumas pessoas fascinantes e diversificadas conhecidas em todo o mundo. Um país de contraste, uma atitude descontraída, uma geografia como nenhuma outra, uma cultura latino-americana diferente de qualquer um dos países vizinhos – o que você vai fazer do Brasil?

Se você é um fã de esportes, o Brasil é um lugar excitante para estar nos próximos anos: a Copa do Mundo foi realizada no Brasil (e tenho certeza de que os brasileiros estão muito interessados ​​no futebol!) E as Olimpíadas de 2016 Os jogos foi no Rio de Janeiro (famoso por seu incrível carnaval anual).

Em contraste com o rigoroso sistema de ensino superior, a postura descontraída do Brasil (você pode ouvir “Calma gringo, calma” = Relaxe, relaxe), é algo de filosofia nacional, então não se surpreenda se as pessoas parecerem muito relaxadas sobre tudo no Brasil.

Brasil é o país das pesquisas, veja!

Apenas tome cuidado para que a atitude descontraída possa se estender à vida cotidiana e não se surpreenda se os ônibus atrasarem ou se, em lojas ou restaurantes, as coisas não se moverem tão rápido quanto você está acostumado.

Curiosamente, e apesar de uma atitude descontraída em relação à vida, há realmente muita burocracia e burocracia no Brasil. O processo de obtenção de um visto é bastante demorado. É difícil dizer se é o caráter descontraído das autoridades brasileiras ou o processo burocrático que causa isso (a burocracia desalentada? Eu não disse que o Brasil era um país de contraste ?!)

SISU 2019

Como estudante, você terá que solicitar um visto pertencente à categoria de vistos de “residência temporária” que envolva consideravelmente mais burocracia do que o simples visto de turista (que não seria longo o suficiente para o seu mestrado ou doutorado). Os vistos para estudos no Brasil são emitidos por até um ano (renovável).

Veja o que precisa para entrar no Brasil

Você terá que solicitar seu visto de estudante bem antes de sua partida para o Brasil em uma embaixada ou consulado brasileiro em seu país de origem. Na maioria dos casos, o processo de inscrição leva de dois a três meses para permitir bastante tempo.

SISU 2019

Para um visto de residência temporária, os estudantes devem apresentar os seguintes documentos:

  • Um passaporte com uma validade mínima remanescente de 6 meses;
  • Formulário de Pedido (Pedido de Visto) em duplicata;
  • Duas fotos tamanho passaporte;
  • Declaração da polícia sem registro criminal (não mais de 3 meses), 1 original e 1 cópia;
  • Prova de fundos suficientes para a duração da estadia. Podem ser extratos bancários, carta de bolsa de estudos ou uma carta de garantia de seus pais;
  • Exame médico e cartão de vacinação contra a febre amarela (somente se você é de países a que se aplica);
  • Confirmação da sua instituição de ensino no Brasil indicando sua matrícula e a duração da sua estadia. Sua universidade anfitriã deve ser reconhecida pelo Ministério da Educação do Brasil.

Uma vez no Brasil, você deve se registrar na Polícia Federal dentro de 30 dias da sua chegada. Cuidado, os escritórios da polícia federal às vezes são encontrados em aeroportos internacionais e não na cidade em que você está morando (portanto, se você puder suportá-lo, preencha o registro da polícia quando desembarcar na cidade em que você estiver estudando).

O registro policial é necessário para formalizar sua estadia e obter um documento de identidade para estrangeiros. Se você não se apresentar para o registro policial, será cobrado um imposto por cada dia além do limite de 30 dias. Pode impedir que você solicite extensões de visto ou renovação de visto.

Como portador de visto de residência temporária, você também pode solicitar um visto para os familiares que o acompanham. Observe também que, como estudante no Brasil, você não tem permissão para aceitar qualquer trabalho remunerado e é o mesmo para qualquer dependente ou cônjuge que venha com você.

Quando você estiver prestes a solicitar a renovação do visto, terá que apresentar uma solicitação ao Departamento de Polícia Federal pelo menos 30 dias antes da data de expiração.